Domingo 5 de Fevereiro de 2023
Breves

Dia Mundial dos Pobres: o Papa Francisco abençoará uma escultura que convida o mundo a cuidar dos sem-abrigo.

A escultura “Abrigo” será descerrada na próxima quarta-feira, 9 de novembro, na Praça de São Pedro, no Vaticano. A escultura procura promover a “Campanha 13 Casas” da Família Vicentina para proporcionar ajuda material e espiritual às pessoas que sofrem de falta de habitação em todo o mundo.

© Timothy Schmalz

(Cidade do Vaticano, 7 de novembro de 2022) – No dia 9 de novembro, momentos antes da sua habitual catequese das quartas-feiras, o Papa Francisco abençoará uma nova escultura na Praça de São Pedro que realça o drama dos sem-abrigo.

Abrigo é uma escultura de bronze em tamanho real que mostra a figura de uma pessoa sem-abrigo a ser coberta por uma manta puxada por uma pomba em voo. Esta imagem de “Abrigo” será descerrada uns dias antes do 6º Dia Mundial dos Pobres, que será celebrado no próximo domingo, 13 de novembro.

A escultura foi feita pela artista canadense Timothy Schmalz, que já tem um historial consolidado em estátuas religiosas em todo o mundo. A sua obra “Anjos sem o saberem” (“Angels Unawares”), sobre migrantes e refugiados, foi instalada na Praça de São Pedro em 2019, quando também foi benzida pelo Santo Padre.

A escultura “Abrigo” foi concebida para dar destaque ao drama dos sem-abrigo no mundo e para encorajar soluções práticas de acordo com a missão da Campanha 13 Casas, uma iniciativa da Família Vicentina global. A Família Vicentina é um movimento de diferentes congregações religiosas, associações laicas e caritativas inspirado pela vida e obra de São Vicente de Paulo, que “juntou todos os que pôde, ricos e pobres, humildes e poderosos, utilizou todos os meios para os inspirar com o sentido do pobre – a imagem privilegiada de Cristo – e exortou-os a ajudar os pobres direta e indiretamente” (Constituições CM, Introdução, p. 9. Roma, 29 de junho de 1984).

A Família Vicentina juntou-se para formar a Aliança FamVin com as pessoas sem-abrigo (sem-teto) (FHA), com o objetivo de acabar com os sem-abrigo e mudar as vidas dos 1,2 mil milhões de pessoas que vivem sem um lugar a que chamem lar em todo o mundo. Comentando o descerramento da escultura “Abrigo”, Mark McGreevy, coordenador da FHA e Presidente do Depaul International Group, disse: “Esta estátua faz uma declaração crucial sobre a falta de habitação: obriga-nos a estar conscientes das pessoas sem-abrigo que nos rodeiam. Antes de podermos resolver o problema da falta de habitação, temos de o compreender. Temos de parar e ouvir as histórias dos sem-abrigo e envolvê-los nas soluções que proporcionem uma mudança a longo prazo… Ninguém deve ficar sem um lar”.

McGreevy lidera a FHA, que, através da Campanha 13 Casas, procura alojar 10.000 pessoas em todo o mundo até ao final de 2023 em mais de 160 países onde a Família Vicentina já trabalha. “Este é apenas o primeiro passo de um plano ambicioso para mudar as vidas de muitas das 1,2 mil milhões de pessoas atualmente sem-abrigo em todo o mundo”, acrescentou ele.

Além disso, Tomaž MavričSuperior Geral da Congregação da Missão de S. Vicente de Paulo e da Companhia das Filhas da Caridade de S. Vicente de Paulo, explicou: “A inspiração de Jesus e de São Vicente de Paulo leva-nos a sonhar em grande, mas com profunda humildade. O sonho é que em algum momento da história toda a humanidade possa ter uma habitação digna, um lugar digno a que chamar casa”.

A escultura de Schmalz será descerrada pela primeira vez numa semana importante para os sem-abrigo a nível mundial. A 13 de novembro, será celebrado o 6º Dia Mundial dos Pobres, refletindo o compromisso inabalável do Papa Francisco para com a questão: “Se quisermos que a vida vença a morte e que a dignidade seja resgatada da injustiça, o caminho a seguir é o d’Ele: é seguir a pobreza de Jesus Cristo, partilhando a vida por amor, repartindo o pão da própria existência com os irmãos e irmãs, a começar pelos últimos, por aqueles que carecem do necessário, para que se crie a igualdade, os pobres sejam libertos da miséria e os ricos da vaidade, ambos sem esperança”.

© Timothy Schmalz

******

Acerca do Dia Mundial dos Pobres

O Dia Mundial dos Pobres foi instituído pelo Papa Francisco na sua Carta Apostólica Misericordia et Misera, publicada a 20 de novembro de 2016 para celebrar o encerramento do Jubileu Extraordinário da Misericórdia. Desde então, tem sido celebrado todos os anos no 33º Domingo do Tempo Comum, desde 2017. Mais informações: https://www.vatican.va/content/francesco/pt/messages/poveri.index.html

Acerca da Aliança Famvin com as pessoas sem-abrigo e a Campanha 13 Casas

A Aliança Famvin com as pessoas sem-abrigo (FHA) é uma iniciativa da Família Vicentina que apoia programas já estabelecidos e outros em fase de preparação com as pessoas sem-abrigo em todo o mundo. Entendemos os sem-abrigo como pessoas que vivem na rua, refugiados e deslocados das suas casas, e moradores de favelas/bairros e/ou habitações inadequadas. A nossa visão é um mundo onde todos têm um lugar a que chamar lar e a possibilidade de participar na sua comunidade. A FHA foi criada em 2017 para assinalar o 400º aniversário do Carisma Vicentino e é administrada pela Depaul International. A Família Vicentina é um movimento católico global enraizado na espiritualidade e no exemplo de São Vicente de Paulo e de Santa Luísa de Marillac, com mais de dois milhões de membros. Atualmente, a Campanha 13 Casas está presente em 60 países, com 92 projetos, 2311 casas construídas e 8643 pessoas apoiadas. Mais informações: https://vfhomelessalliance.org/pt/portugues

Sobre Timothy Schmalz

Há mais de 25 anos, Timothy Schmalz (Angels Unawares, Homeless Jesus) vem construindo esculturas em larga escala. Ele é um artista figurativo e suas peças estão instaladas em todo o mundo. Algumas de suas obras mais reconhecidas repousam em igrejas históricas em Roma e no Vaticano. “Tim” descreve seu trabalho como traduções visuais da Bíblia. Embora a maioria de suas esculturas seja baseada num tema espiritual, ele também cria esculturas públicas grandes e complexas em bronze. Alguns destes incluem monumentos em homenagem aos veteranos e bombeiros. Timothy esforça-se para criar obras de arte épicas que se conectam com os espectadores através de design e detalhes que não só movem o espectador em um nível emocional, mas também permitem que o espectador sinta uma sensação de “parte” da obra.

Mais informações: https://timothypaulschmalz.com

 

Verifique também

Anúncio aos membros do Conselho Geral da próxima eleição do 17º Presidente-geral

Para: Presidentes de todos os Conselhos Superiores (Nacionais), Assimilados e Associados. Prezado Presidente, Como Vice …