Sábado 29 de Abril de 2017
Breves
Inicio / Conselhos Centrais de Portugal

Conselhos Centrais de Portugal

De uma forma geral e na sua área de acção, manter, coordenar, dinamizar e estabelecer a ligação entre as Conferências e Conselhos, de forma a que seja seguida a linha de acção recomendada e se vivam realmente os Princípios Fundamentais da SSVP;

Assegurar o diálogo, a colaboração e cooperação com outras Obras e Movimentos existentes na sua área e com as Autoridades Civis e Religiosas;

Examinar os relatórios de actividades das Conferências e/ou dos Conselhos que de si dependem e que devem ser feitos anualmente, transmitindo uma síntese comentada desses dados ao Conselho de que dependem;
Promover Encontros Regionais, Assembleias, Sessões de Formação e outras iniciativas dinamizadoras da acção e vocação vicentinas;
Promover a formação dos membros da SSVP para o seu trabalho vicentino, tendo em vista a busca da solução dos problemas na sua origem, bem como a dignificação da pessoa humana,  nos seus aspectos espiritual e social;
Seguir atentamente a acção e evolução das Conferências, graças a contactos directos, frequentes e regulares com elas;
Visitar, pelo menos uma vez por ano, as Conferências e/ou Conselhos que de si dependem;
Favorecer a criação de novas Conferências e de obras especiais, sempre que as circunstâncias o possibilitem.
 
Os Conselhos Centrais de Portugal são os seguintes:
 
Conselho Central do Algarve
Conselho Central de Aveiro
Conselho Central de Beja
Conselho Central de Braga
Conselho Central de Bragança
Conselho Central de Coimbra
Conselho Central de Évora
Conselho Central de Fuchal
Conselho Central de Guarda
Conselho Central de Lamego
Conselho Central de Leiria
Conselho Central de Lisboa
Conselho Central de Portalegre e Castelo Branco
Conselho Central de Porto
Conselho Central de Santarém
Conselho Central de São Miguel
Conselho Central de Setúbal
Conselho Central de Terceira
Conselho Central de Viana do Castelo
Conselho Central de Vila Real
Conselho Central de Viseu